As últimas Entregas Da Série 2

As últimas Entregas Da Série

Koichi Sugiyama (すぎやまこういち Sugiyama Kō’ichi), nascido em onze de abril de 1931, é um compositor japonês de música de videogame. É, juntamente com Nobuo Uematsu, e Kōji Kondō, um dos mais consideráveis compositores de trilhas sonoras de jogos eletrônicos. Sua obra mais importante é a trilha sonora dos jogos da popular série de RPG Dragon Quest.

Diretor de orquestra de música acadêmica, é considerado o pai da música de videogame, e também inspiração e referência pra outros compositores, como Nobuo Uematsu pra trilhas sonoras de jogos eletrônicos. Koichi Sugiyama é um compositor de bandas sonoras, produtor pop, e o ex-locutor, que obteve uma extenso popularidade no Japão, em parte devido ao sucesso de sua música pra série Dragon Quest. Nascido em onze de abril de 1931, Taito em Tóquio, Sugiyama desenvolveu uma paixão na música clássica em uma idade adiantada, por causa seus pais.

E também aprender a tocar a música, compôs uma coleção de breves peças ao longo do ensino médio. Crescendo no Japão, ao longo da Segunda Guerra Mundial, Sugiyama foi evacuado de Tóquio, no entanto continuou dedicando-se à música, participando em orquestras, bandas de jazz e balé.

Foi lançado no ballet infantil de longa duração Mr. Lost Caterpillar com a idade de 20. Embora a princípio quis ir para o colégio de música, o músico finalmente estudou Psicologia educacional pela Universidade de Tóquio. Ao graduar-se, em 1954, decidiu prosseguir a sua carreira pela radiodifusão, ao invés de a música.

Sugiyama foi primeiramente empregado na Rádio cultural do Japão, onde trabalhou no departamento de notícias durante um ano, antes de se mudar para a tua indústria de entretenimento. Através destas obras, um jovem Sugiyama assimilou muito sobre a indústria televisiva e imensas daquelas relações foram importantes para a sua futura carreira.

Em 1958, Sugiyama entrou na Fuji Tv como diretor. Dado o teu talento para compor canções pop, não surpreende que fosse indispensável para compor numerosos temas musicais de anime. Estreando com Skyers 5, em 1968, continuou para colocar os toques de Kum Kum, The Return for Ultraman, e Machine Hayabusa ao longo dos anos 70. Continuando para estar à altura dos tempos, Sugiyama fez a tua transição pra se tornar um compositor de jogos em 1985, em amplo divisão, deixando para trás suas funções na música pop e pela indústria da animação. Tendo se tornado um entusiasta jogador de jogos de vídeo, o compositor enviou um cartão postal manuscrita a Enix depois de jogar Kazuro Morita’a Shogi para os adiantados Pc.

  • Quinta temporada (1996-1997): Vince e seis capítulos
  • Orquestra Bola: Um grupo de bolas musicais que tocam trombeta, tambor e pratos
  • 18 Gay Guy
  • Argentina/ Se impõe a Independente por 2 a um
  • 1 Ação ao vivo 3.2.1.Um Batman (1966)
  • dois O ritmo do tempo histórico
  • 2-. Quais são as piores vias para viajar esses dias

Os desenvolvedores ficaram surpresos ao serem contatados por uma celebridade do tamanho de Treinar e foram além impressionados por sua profundidade de entendimento e apreciação de jogos. Em 1986 Dragon Quest foi um extenso sucesso no Japão. O jogo disponibilizou cerca de dez minutos de música de estilo clássico repleto de melodias memoráveis e evoluções emocionais.

Dada a sua formação na constituição cinematográfica, Sugiyama sabia exatamente como complementar e às vezes transcender os gráficos e o roteiro do jogo. Introduziu a trilha sonora com “Overture”, uma grandiosa composição de alarde, que foi lançado em cada Dragon Quest, desde o seu lançamento.

O jogo bem como ofertou uma melodia sobre o universo aberto de temática extensa, uma peça de castelo de interferência barroca, um assunto de calabouço tonalmente ambíguo, campos de guerra descontroladamente dissonantes, e um notável foco encerramento. A trilha sonora estabeleceu o modelo de oito músicas para a trilha de um jogo de rpg, servindo como um protótipo pra artistas como Nobuo Uematsu.

apesar de seu trabalho nas produções de Dragon Quest, Sugiyama continuou participando em papéis mais longos. Refletiu teu ecletismo em bandas sonoras de Jesus: The Fearful Bio-Monstro e a tua sequela. Em contraste com a trilha sonora do clássico estilo de Dragon Quest, essas bandas sonoras estavam cheias de baladas rígidas influenciadas pelo rock, assuntos de carinho sentimental e energéticos focos de ação. Pelo contrário, adotou abordagens mais escuros e minimalistas no Angelus: The Devil’s Gospel e Gandhara. Bombliss, Gamão e algumas sequências para a franquia Wingman e World Golf. Nenhum desses títulos venderam tão como esta de Dragon Quest, mas mesmo sendo assim foram lembrados em abundantes lançamentos de disco.